Processos Avaliativos na FEMIC

Aspectos considerados nos processos avaliativos

  • a profundidade e o uso da metodologia científica; 
  • a criatividade e inovação; 
  • o uso da linguagem formal 
  • a importância/aplicação da pesquisa na comunidade/cotidiano. 

Projetos com temáticas de relevância social

Projetos voltados a demandas sociais como: povos e comunidades tradicionais, moradores de áreas rurais e periferias urbanas das cidades de Minas Gerais, pessoas com deficiência e meninas/mulheres recebem na pré-avaliação 5 pontos (10% do geral) a mais que os demais projetos a fim de garantir maior participação destes na FEMIC, uma vez que são temáticas relevantes na atualidade. 

Áreas Científicas

A FEMIC apresenta oito áreas e suas sub-áreas de Avaliação, conforme áreas científicas da CAPES/CNPQ.

  • Ciências Exatas e da Terra 
  • Ciências Biológicas 
  • Engenharias 
  • Ciências da Saúde 
  • Ciências Agrárias 
  • Ciências Sociais Aplicadas 
  • Ciências Humanas 
  • Linguística, Letras e Artes 

Pré-avaliação dos projetos para seleção dos participantes
Etapa de avaliação destinada a selecionar os projetos que participarão da FEMIC em agosto do ano corrente. Os projetos aprovados serão divulgados em listas, conforme área científica.

Barema para pré-avaliação

Avaliação dos projetos durante a FEMIC
Todos os projetos apresentados na FEMIC serão avaliados por no mínimo quatro jurados convidados com reputação, experiência e formação acadêmica superior coerente à área científica das pesquisas.

Barema de avaliação

Feedback FEMIC

Todos os projetos selecionados ou não selecionados para participar na FEMIC receberão, via e-mail, um feedback dos avaliadores que participaram da banca de avaliação dos projetos. Essa ação tem o objetivo de ajudar no processo de pesquisa e investigação dos autores dos projetos.

Em nenhuma situação, caberá recursos  quanto aos processos de avaliação conduzidos.