HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA NO BRASIL: UMA PERSPECTIVA DA EVOLUÇÃO DOS TESTES PSICOLÓGICOS E SUAS IMPLICAÇÕES NA CLÍNICA ATUAL

Ciências da Saúde

ID 453-2020
Universitários

4ª FEMIC Mais

Autores

Paula Dantas de Oliveira Pelizer, Marina Neves Nascimento de Azevedo, Mônica Freitas Ferreira Novaes e Riviane Borghesi Bravo

Belo Horizonte, MG

Centro Universitário Newton Paiva

FLIPBOOK do Trabalho

O projeto desenvolvido trata-se de uma pesquisa descritiva de natureza qualitativa, constituído por Revisão Bibliográfica Sistemática nas bases de dados LILACS, SciELO, e PePsic sobre o tema “História da Avaliação Psicológica no Brasil”.

[3d-flip-book mode="fullscreen" id="2092" ][/3d-flip-book]

REsumo Científico

Os Testes Psicológicos são utilizados por profissionais da psicologia para mensuração dos fenômenos psíquicos, sendo considerados como tecnologias para o desenvolvimento teórico na área e/ou como instrumento de coleta de dados no procedimento clínico de Psicodiagnóstico, para identificação de referências e medidas durante o processo avaliativo de fatores específicos e individuais. Considerando os teóricos que contribuíram para o desenvolvimento da área de Avaliação Psicológica, constitui objetivo de pesquisa o estudo das produções acadêmicas e científicas que tratam dos Testes Psicológicos como instrumentos reconhecidos para a prática clínica do Psicólogo no Brasil. Foi realizada uma pesquisa descritiva, de natureza qualitativa e caráter historiográfico, sobre a evolução dos Testes Psicológicos e suas implicações na clínica de Psicologia, a partir de Revisão Bibliográfica Sistemática e utilizando os descritores: Avaliação, Psicologia, História, Laboratório, Pesquisa, Histórica, Brasil; nas bases de dados LILACS, SciELO, e PePsic. Um dos construtos tratados distintamente ao longo do tempo é o de “Inteligência”, descrito de forma variada em diferentes teorias, permitindo uma reflexão sobre a necessidade de adaptações e compreensão dos fundamentos epistemológicos que sustentam os instrumentos utilizados pelos Psicólogos no processo de Avaliação Psicológica para uma interpretação cientificamente fundamentada dos resultados de uma Testagem Psicológica. Os resultados evidenciam a necessidade de pesquisas que permitam o diálogo entre áreas distintas da Psicologia para a compreensão dos conceitos e teorias que fundamentam as práticas clínicas nos dias atuais, considerando os Testes Psicológicos como documentos que materializam memórias e perspectivas teóricas, permitindo a compreensão de construtos na área da Psicologia a partir da identificação de tensões decorrentes de mudanças espaço-temporais e da sistematização das publicações sobre o tema.

Para qualquer dúvida, envie um email para os autores

É proibida a reprodução, a distribuição, a transmissão, a exibição, a publicação ou a divulgação, total ou parcial, sem prévia e expressa autorização dos autores e a FEMIC – Feira Mineira de Iniciação Científica.


Coordenação geral: Fernanda Aires Guedes Ferreira
Vice Coordenação: Larissa Amaral Diniz Tomaz
contato@femic.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui