PESQUISA DOS CHATS DO PROGRAMA “DESCOBRINDO O CÉU”: INTEGRAÇÃO DAS ATIVIDADES PRESENCIAIS E VIRTUAIS DO ESPAÇO DO CONHECIMENTO UFMG

Ciências Exatas e da Terra

ID 383-2020
Professores e pesquisadores universitários

4ª FEMIC Mais

Autores

Samantha Jully Mesquita Gonçalves, Felipe Andrade Ferreira Nascimento, Paulo Roberto Murta Jardim Junior, Vitória Rodrigues Ramos, Diógenes Martins Pires, Nathalia Nazareth Junqueira Fonseca e Carlos Eduardo Porto Villani

Belo Horizonte, MG

Universidade Federal de Minas Gerais

FLIPBOOK do Trabalho

Nosso projeto analisa a série de lives Descobrindo o Céu, realizada pelo Núcleo de Astronomia do Espaço do Conhecimento UFMG, para compreender o potencial do nosso trabalho de Ensino e Divulgação Científica em Astronomia.

[3d-flip-book mode="fullscreen" id="2124" ][/3d-flip-book]

REsumo Científico

Com a suspensão das atividades dos museus, o Núcleo de Astronomia do Espaço do Conhecimento UFMG estreou a série de lives “Descobrindo o Céu”. Nela é mostrada a disposição dos astros no céu de BH na mesma noite e um tema relacionado à astronomia é explanado. Os espectadores são incentivados a participar através dos comentários ao decorrer da sessão. Nesta pesquisa, analisamos os chats da referida série em duas etapas, buscando compreender seu potencial para o ensino e divulgação científica em astronomia. Nosso corpus é constituído por todos os enunciados registrados nas 14 primeiras lives. Na primeira etapa foi feita a separação qualitativa dos comentários em 25 categorias e, na segunda, foi criada uma tabela-resumo que expressa quantitativamente o número total de comentários em cada categoria. Por meio dessas duas tabelas criamos o instrumento de pesquisa “Banco de Enunciados de Chats em Lives de Astronomia”. A partir deste, constatamos 302 comentários referentes a elogios e agradecimentos e 192 perguntas relacionadas a temas de astronomia. O interesse pela Astronomia é evidente pelo fato da série ter uma participação expressiva de pessoas de outros estados do Brasil, já que acontece online, e também pelo público sugerir temas para as lives subsequentes, como constelações – gregas, africanas e indígenas – que representaram a maioria das solicitações. Finalmente, os instrumentos e as análises desenvolvidas nesta pesquisa permitiram criar uma metodologia robusta para acompanhar a evolução do programa e subsidiar propostas de intervenção ao longo do tempo, visando integrar o programa às demais atividades presenciais do museu. Como desdobramentos, consolidamos o banco de enunciados como instrumento permanente de análise do potencial da série “Descobrindo o Céu” e iniciamos uma investigação sobre os “Indicadores de Alfabetização Científica” (Rocha, 2018) dos espectadores, para contribuirmos com o processo de avaliação e aprimoramento deste programa.

Para qualquer dúvida, envie um email para os autores

É proibida a reprodução, a distribuição, a transmissão, a exibição, a publicação ou a divulgação, total ou parcial, sem prévia e expressa autorização dos autores e a FEMIC – Feira Mineira de Iniciação Científica.


Coordenação geral: Fernanda Aires Guedes Ferreira
Vice Coordenação: Larissa Amaral Diniz Tomaz
contato@femic.com.br

3 COMENTÁRIOS

  1. First off I want to say awesome blog! I had a quick question which I’d like to
    ask if you don’t mind. I was curious to know how you center yourself and clear your head
    prior to writing. I’ve had difficulty clearing my
    mind in getting my ideas out. I do enjoy writing however it
    just seems like the first 10 to 15 minutes are generally lost just trying to figure out
    how to begin. Any ideas or tips? Cheers! 0mniartist
    asmr

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui