UMA RAÇÃO ALTERNATIVA COM CALOTROPIS PROCERA E OPUNTIA FICUS-INDICA: UMA SOLUÇÃO VIÁVEL PARA PEQUENOS CRIADORES DE ANIMAIS DO SEMIÁRIDO

Ciências Agrárias

ID 269-2020
Anos Finais do Ensino Fundamental Ensino Médio/Técnico

4ª FEMIC Jovem

Autores

Ana Karolaine de Medeiros Alves
Lizandra de Fátima Ladislau Aguiar
Jardel Ribeiro Batalha (Orientador)

Itarema, Ceará

Escola Estadual de Educação Profissional Professora Rosângela Albuquerque de Couto

FLIPBOOK do Trabalho

O objetivo dessa pesquisa é o desenvolvimento uma ração animal a partir da mistura de duas plantas adaptadas na região do semiárido brasileiro, Ciumeira (Calotropis procera) e Palma Forrageira (Opuntia ficus-indica) para o uso por bovinos e caprinos

[3d-flip-book mode="fullscreen" id="1636" ][/3d-flip-book]

REsumo Científico

Esta pesquisa tem como objetivo elaborar uma ração animal a partir da mistura de duas plantas adaptadas na região do semiárido brasileiro, Calotropis procera e Opuntia ficus-indica, para o uso por bovinos e caprinos no período de seca. A seguinte pesquisa teve sua realização no município de Itarema, os sujeitos participantes desse estudo, foram os pequenos produtores rurais da cidade. Para a obtenção de dados, foram realizadas pesquisas bibliográficas sobre as plantas, em seguida, foi desenvolvida uma ração da mistura da Calotropis procera com a Opuntia ficus-indica, na qual recebeu adição de sal mineral para melhor durabilidade da ração e qualidade nutricional. Para a análise de dados, todas informações das características botânicas, os testes de produção da ração e os resultados de aceitação dos animais, foram tabuladas e comparadas com a bibliografia. O estudo comprovou com a realização desse experimento, a viabilidade de produção da ração com base nos resultados satisfatórios obtidos, tais como, a durabilidade da mistura das duas plantas e o sal, que resistiu aproximadamente uma semana sem apresentação de contaminação por fungos, demonstrando que é uma forragem viável de armazenamento. Além disso, foi comprovado por meio das pesquisas que a Opuntia ficus-indica é rica em carboidratos e cálcio, já a Calotropis procera, apresenta altos valores de proteínas e fibras, tornando-se assim, uma ração balanceada e nutritiva. Portanto, conclui-se que, a ração feita da mistura da Calotropis procera com a Opuntia ficus-indica é uma alternativa viável para os pequenos criadores de animais.

Para qualquer dúvida, envie um email para os autores

É proibida a reprodução, a distribuição, a transmissão, a exibição, a publicação ou a divulgação, total ou parcial, sem prévia e expressa autorização dos autores e a FEMIC – Feira Mineira de Iniciação Científica.


Coordenação geral: Fernanda Aires Guedes Ferreira
Vice Coordenação: Larissa Amaral Diniz Tomaz
contato@femic.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui