MEIO DE CULTURA DIO: UMA ALTERNATIVA SIMPLES E RÁPIDA PARA A PRODUÇÃO DE ORQUÍDEAS - FASE III

Ciências Biológicas

ID 272-2020
Anos Finais do Ensino Fundamental Ensino Médio/Técnico

4ª FEMIC Jovem

Autores

Rafaela Furlanetto Liberali
Dionéia Schauren (Orientadora)

Toledo, Paraná

Colégio Estadual Jardim Porto Alegre

FLIPBOOK do Trabalho

Este projeto busca melhorar a produção de orquídeas, possibilitando sua produção de forma rápida e barata e sem prejuízos pela contaminação do meio de cultura.

[3d-flip-book mode="fullscreen" id="1717" ][/3d-flip-book]

REsumo Científico

As orquídeas são plantas de extrema importância econômica, suas sementes são extremamente reduzidas e não possuem albume o que dificulta sua propagação. Atualmente o cultivo in vitro de orquídeas possibilita a produção de mudas para comércio, no entanto essa forma de cultivo demanda de altos custos para ser produzido. Outra dificuldade enfrentada é o tempo de desenvolvimento da planta, podendo levar de 3 à 10 anos para que ocorra a primeira floração. A perda de exemplares pela contaminação do meio de cultura é outra grande dificuldade enfrentada. Pensando em diminuir os custos de produção foi desenvolvido um meio de cultura alternativo no Colégio, mais barato comparado aos meios de cultura comerciais. Este projeto tem como objetivo diminuir prejuízos causados pela contaminação do meio de cultura por fungos e bactérias através da utilização de diferentes concentrações de sulfato de cobre, amoxicilina e secnidazol, diminuir o tempo de cultivo da orquídea através da utilização do extrato de Babosa, Cedro, Grevílea, Pinus, Canafístula e nó de pinho. O projeto ainda se encontra em andamento e pode-se concluir por meio das avaliações semanais que a utilização de babosa é eficaz pois as diferentes concentrações germinaram antes do controle, tanto do meio alternativo quanto do meio de cultura comercial. A utilização de sulfato de cobre não se mostrou eficaz podendo levar até a inibição da germinação, para os demais testes serão obtidos mais resultados a partir da germinação até o momento.

Para qualquer dúvida, envie um email para os autores

É proibida a reprodução, a distribuição, a transmissão, a exibição, a publicação ou a divulgação, total ou parcial, sem prévia e expressa autorização dos autores e a FEMIC – Feira Mineira de Iniciação Científica.


Coordenação geral: Fernanda Aires Guedes Ferreira
Vice Coordenação: Larissa Amaral Diniz Tomaz
contato@femic.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui