AVALIAÇÃO DO USO DE DIFERENTES SUBSTITUINTES DO ÁGAR NA MICROPROPAGAÇÃO DE ORQUÍDEAS

Ciências Biológicas

ID 329-2020
Anos Finais do Ensino Fundamental Ensino Médio/Técnico

4ª FEMIC Jovem

Autores

Raquelly Izadora Miranda
Dionéia Schauren (Orientadora)

Toledo, Paraná

Colégio Estadual Jardim Porto Alegre

FLIPBOOK do Trabalho

meu projeto tem o objetivo de encontrar um substituinte para o agar que seja nao convencional e de baixo preço na micro propagação de orquídes

[3d-flip-book mode="fullscreen" id="1687" ][/3d-flip-book]

REsumo Científico

O estudo consiste em encontrar um substituinte para o Ágar, material de maior custo e muito utilizado no método de propagação in vitro de orquídeas. Com um substituinte de baixo custo é possível ajudar na propagação das orquídeas que tem uma baixa taxa de germinação nas natureza. As orquídeas são exalbunosas , ou seja, elas não tem nutrientes reservas para se propagar sozinha, é necessário o auxílio do fungo micorrisa que geralmente acaba não tendo na natureza por conta de fungicidas aplicados nas plantações. Já o ágar ele tem um preço muito alto e acaba não sendo acessível a sertas instituições. Foram utilizadas sabugo de milho, casaca de ovo, casca de pinos cozida e in natura, grevilha cozida e in natura, eucalipto cozido e in natura para o preparo de o preparo do meio de cultura substituindo o ágar. Após o preparo do meio foram inseridas sementes de Drendrubium nobili lindi. Os frascos foram mantidos em casa de vegetação em temperatura e luminosidade natural. O estudo encontra se em andamento contudo apresenta resultados preliminares surpreendentes.

Para qualquer dúvida, envie um email para os autores

É proibida a reprodução, a distribuição, a transmissão, a exibição, a publicação ou a divulgação, total ou parcial, sem prévia e expressa autorização dos autores e a FEMIC – Feira Mineira de Iniciação Científica.


Coordenação geral: Fernanda Aires Guedes Ferreira
Vice Coordenação: Larissa Amaral Diniz Tomaz
contato@femic.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui