BLINDAID MARKET: UMA PROPOSTA DE APLICATIVO QUE AUXILIA NAS COMPRAS DE PESSOAS CEGAS, DEFICIENTES VISUAIS E ANALFABETAS

Engenharias

ID 453-2020
Anos Finais do Ensino Fundamental Ensino Médio/Técnico

4ª FEMIC Jovem

Autores

Izamara Cristina Brito de Oliveira Cardoso
Ana Júlia Dueti Martins Vila
Jeferson Junio Batista Silva (Orientadora)
Juliana Silva de Melo (Coorientadora)

Uberlândia, Minas Gerais

Grupo de Iniciação Científica Júnior em Ciências e Matemática

FLIPBOOK do Trabalho

Esse trabalho busca relatar sobre o desenvolvimento do aplicativo BlindAid Market que auxilia pessoas com baixa visão, deficientes visuais e analfabetos a fazerem suas compras a partir da leitura de QR-code em voz eletrônica.

[3d-flip-book mode="fullscreen" id="1705" ][/3d-flip-book]

REsumo Científico

Esse trabalho foi desenvolvido a partir do interesse das pesquisadoras em solucionar um dos problemas relatado pelas pessoas em uma visita à Associação de Deficientes Visuais de Uberlândia (ADEVIUDI). Em conversa com os associados, foi relatado que a maior dificuldade encontrada pelas pessoas cegas, se dá quanto à locomoção e atendimento em locais públicos, sobretudo na realização de compras em supermercados e afins. Dessa maneira, esse estudo possui como objetivos: a) Desenvolver um aplicativo de smartphone que permita o acesso à descrição do produto, bem como o preço, de uma forma acessível aos deficientes visuais; b) Possibilitar a geração de etiquetas com QR-code para que as empresas possam tornar-se acessíveis a esse público. Com isso as pesquisadoras desenvolveram o aplicativo BlindAid Market que auxilia pessoas com baixa visão, deficientes visuais e analfabetos a fazerem suas compras. Na interface para empresas o aplicativo gera etiquetas com QR-code com as principais informações do produto, como preço e a descrição completa. Na interface dos usuários, apresenta um leitor de QR-code que lê as informações por meio de uma voz eletrônica. Acredita-se que com essa proposta possa-se proporcionar certa independência para pessoas com algum tipo de deficiência visual, podendo contribuir também com as pessoas não alfabetizadas ou com dificuldade de leitura. Ainda não foi possível realizar o teste do aplicativo em empresas (por conta da pandemia de COVID-19), mas acreditamos que o mesmo trará inúmeros benefícios às empresas e usuários.

Para qualquer dúvida, envie um email para os autores

É proibida a reprodução, a distribuição, a transmissão, a exibição, a publicação ou a divulgação, total ou parcial, sem prévia e expressa autorização dos autores e a FEMIC – Feira Mineira de Iniciação Científica.


Coordenação geral: Fernanda Aires Guedes Ferreira
Vice Coordenação: Larissa Amaral Diniz Tomaz
contato@femic.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui